Como doar sangue? Saiba quais são os principais requisitos

Samel Saúde
27 de novembro de 2020

A doação de sangue é um dos atos mais nobres de solidariedade e amor ao próximo. O procedimento de coleta é rápido, prático e totalmente seguro, e o sangue pode beneficiar até quatro pessoas em procedimentos como cirurgias de alto risco e terapias de plasma, por exemplo. Então, como doar sangue e ajudar a salvar vidas? 

Neste artigo, você vai descobrir quais são os requisitos para se tornar um doador. Vai descobrir também de que forma o seu sangue pode ser usado nos procedimentos médicos. 

Acompanhe! 

Doação de sangue no Brasil

De acordo com o Ministério da Saúde, no Brasil, apenas 1,6% da população doa sangue, índice considerado baixo para os padrões internacionais. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que pelo menos 3% da população de cada país seja doadora.  

Na Europa e Estados Unidos, esse percentual é de 5% e 7% respectivamente. Isso quer dizer que o Brasil ainda tem um longo caminho para chegar ao índice ideal. 

Quem pode doar sangue: requisitos e regras

Atualmente, os requisitos seguem normas nacionais e internacionais para avaliar se uma pessoa está apta a realizar o procedimento. No Brasil, quem regula a doação de sangue é o Ministério da Saúde e a Associação Americana de Bancos de Sangue.  

Os critérios gerais são os seguintes:

  • Idade: entre 16 e 69 anos (pessoas acima de 60 anos só podem doar se já tiverem doado antes dessa idade, menores de 18 precisam estar acompanhados de responsáveis ou com formulário de autorização);
  • Peso: mínimo de 50 kg;
  • Repouso: ter dormido no mínimo 6 horas nas últimas 24h;
  • Alimentação: evitar jejum e alimentos gordurosos nas últimas horas e em casos de ter tido refeições fartas no almoço ou jantar, doar após 3 horas;
  • Documentos: apresentar documento de identidade original com foto atual, emitido por órgão oficial (RG, Carteira de Habilitação, Carteira de Trabalho ou Previdência Social);
  • Bebidas: não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas;
  • Fumo: não ter fumado tabaco por no mínimo 2 horas antes da doação;
  • Exercícios: não ter praticado exercícios físicos exagerados nas últimas 24 horas.

Homens gays também podem doar sangue no Brasil, desde julho de 2020, conforme decisão do Supremo Tribunal Federal.

Não deixe de conferir também:

Pesquisadores desenvolvem exame de sangue capaz de detectar oito tipos de câncer 

Posso fazer um transplante de medula óssea? 

Quem não pode ser doador

  • Idade: ter menos de 16 anos ou mais de 69 anos;
  • Peso: ter menos de 50 kg;
  • Formulário de autorização: menores de 18 anos sem responsáveis como acompanhantes ou sem formulário de autorização preenchido e assinado;
  • Durante a doação: estar com anemia, pressão arterial instável (com hipertensão ou hipotensão), aumento ou diminuição dos batimentos cardíacos, febre;
  • Doenças infecciosas: estão estritamente proibidas de doar sangue pessoas com doenças infecciosas, crônicas e/ou transmissíveis pelo sangue (hepatite B, hepatite C, HIVS/Aids, HTLV, Doença de Chagas, hanseníase, câncer);
  • Drogas: quem faz uso de substâncias ilícitas injetáveis;
  • Malária: pacientes que já contraíram malária.

Como doar sangue?

Para quem mora em Manaus, o centro de referência é o Hemoam – Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas. Outros dois postos de coleta ficam na Maternidade Ana Braga (Zona Leste) e no Hospital Adventista de Manaus, no Distrito Industrial.

Mas, ao todo, são 176 centros de coleta espalhados por todo o Brasil.

Basta o voluntário se dirigir até o centro de coleta da sua cidade em posse dos documentos pessoais. O procedimento dura, em média, de 40 minutos a 1 hora. 

Nele, é feito o cadastro, aferição de sinais vitais, teste de anemia, triagem clínica e, por fim, caso o voluntário esteja apto, a coleta do sangue

O voluntário também recebe um lanche após a doação, para ajudar a repor as energias. 

Como o sangue é usado nos procedimentos médicos?

Os diferentes componentes do sangue possibilitam vários usos para diversos pacientes. O sangue total é usado para pessoas que sofreram algum trauma ou passarão por cirurgias.

Mas a bolsa de sangue pode passar por um procedimento que separa os componentes para serem usados de forma individual. Veja:

  • Hemácias: também é usada em traumas e cirurgias, além de pacientes com anemia e outra qualquer pessoa que sofreu perda de sangue ou com distúrbios sanguíneos como a doença falciforme, por exemplo.
  • Plaquetas: são usadas principalmente em tratamentos oncológicos e transplantes de órgãos.
  • Plasma: muito usado em paciente com queimaduras, choques e distúrbios de coagulação.
  • Fantos anti-hemofílicos crioprecipitados (CRIO): pacientes com hemofilia, um distúrbio em que o sangue não coagula normalmente, são os que mais fazem uso desse componente. Assim como os pacientes de coagulação hereditária comum, a doença de Von willebrand, um distúrbio de sangramento causado por baixos níveis de proteína de coagulação no sangue.

Cuidados importantes após a doação

  • É importante beber bastante água nas primeiras 24 horas após a doação para repor o volume de sangue perdido;
  • Não tomar bebidas alcoólicas nas próximas 24 horas;
  • Não fumar nas próximas 2 horas;
  • Evitar exercícios físicos nas próximas 12 horas (incluindo subir e descer escadas);
  • Manter o curativo por no mínimo 4 horas;
  • Caso o local perfurado volte a sangrar, pressionar por 2-5 minutos e trocar o curativo, que deverá permanecer por mais 4 horas;
  • Caso tenha mal-estar, é fundamental notificar o hemocentro o mais breve possível.

Agora que você já sabe como doar sangue, que tal tornar-se um doador? Basta procurar o hemocentro da sua cidade. Lembre-se que muitas vidas podem ser salvas pelo sangue dos doadores. Não deixe de conferir os conteúdos do nosso blog. São dicas de saúde, qualidade de vida, dúvidas sobre doenças e muito mais! Clique aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

A doação de sangue é um dos atos mais nobres de solidariedade e amor ao próximo. O procedimento de coleta é rápido, prá...

A doação de sangue é um dos atos mais nobres de solidariedade e amor ao próximo. O procedimento de coleta é rápido, prá...

MAIS LIDAS

A nova cepa do coronavírus foi identificada no Reino Unido, mas já está presente em ...

Homens também precisam incluir exames preventivos na rotina para monitorar a saúde e ter mais ...

Manter a segurança durante as atividades no trabalho é uma obrigação de todos. Que tal ...