Doação de leite materno: qual a importância e como doar?

samelblog
5 de junho de 2021

O leite materno é fundamental para a nutrição infantil nos primeiros seis meses de vida. Mas muitas mulheres não conseguem fornecer o alimento e dependem da solidariedade das mulheres voluntárias que, por meio da doação de leite materno, mantém os estoques dos bancos sempre abastecidos. 

Se você quer entender melhor qual a importância desse ato, leia o conteúdo que a Samel preparou. Nós vamos mostrar por que o leite é insubstituível e o que fazer para se tornar uma doadora.

Acompanhe!

Por que o leite materno é insubstituível? 

O leite materno é um alimento natural, rico em nutrientes essenciais para os bebês. Os médicos apontam o colostro, substância pegajosa que sai do peito na primeira amamentação, como a primeira “vacina” do bebê. 

Nele está contida uma dose alta das primeiras vitaminas necessárias para o desenvolvimento da criança. 

O leite materno, que vem logo em seguida, também é riquíssimo em nutrientes. Ele é composto por proteínas e anticorpos que, quando ingerido, mantêm a saúde da criança durante a amamentação.

Dessa forma, os nutrientes garantem mais saúde para os pequenos, uma proteção que deve durar a vida toda. 

O alimento oferece inúmeros benefícios aos bebês, além de prevenir contra:

  • Verminoses (e doenças associadas);
  • Doenças respiratórias;
  • Doenças de pele;
  • Inflamações de ouvido, entre outras.

Menores chances de infecções

De acordo com os especialistas, o leite materno previne infecções de diversos tipos, garantido imunidade e resistência. 

É por isso que o leite materno é insubstituível. Mulheres que não conseguem dar de mamar podem contar com os bancos de leite existentes em todo o país. Veja a seguir como eles funcionam.

Programa Parto Desejado – Samel

Assista à live de apresentação do Programa Parto Desejado, projeto da Samel que oferece acompanhamento obstétrico às gestantes, além de orientar sobre os cuidados essenciais durante a gestação. Confira:

Como escolher a maternidade ideal para a hora do parto?

Como funcionam os bancos de leite? 

O Brasil é referência mundial em bancos de leite humano. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o país conta com a maior rede de coleta e estoque do mundo. 

São mais de 224 bancos de leite distribuídos em todo o território nacional. Eles são responsáveis por coletar, processar e distribuir o leite humano a bebês prematuros e de baixo peso. 

Além disso, realizam orientação às mamães que desejam se tornar doadoras. 

Caso você queira ser voluntária e ajudar a promover a saúde de bebês na sua cidade, continue a leitura.

Quais os requisitos para a doação de leite materno?

Toda mulher que amamenta é uma possível doadora de leite humano. É preciso apenas que a lactante esteja em boas condições de saúde e não use nenhum medicamento que interfira na amamentação. 

Portanto, basta ter boa vontade e procurar apoio de uma unidade que faça a coleta. Alguns postos realizam a coleta em domicílio, o que facilita a doação.

É importante saber que qualquer quantidade de leite é bem-vinda. Para se ter uma ideia, 1ml é suficiente para nutrir um recém-nascido em cada refeição

Da mesma forma, 1 litro do alimento pode nutrir até dez recém-nascidos. 

Agora, vamos ao que importa. 

Onde doar leite materno em Manaus?

Atualmente existem três bancos de leite na cidade. Veja:

  • Banco de Leite Humano do Amazonas – Maternidade Ana Braga. Endereço: Alameda Cosme Ferreira, s/n São José. Telefone: 92-3647-4234;
  • Banco de Leite Humano da Galileia – Maternidade Azilda Marreiro. Endereço: Av. Samauma, 630 Monte das Oliveiras. Telefone: 92-3643-5523;
  • Banco de Leite Humano Fesinha Anzoategui – Instituto da Mulher Dona Lindu. Endereço: Av. Mário Ipiranga , 1.581, Adrianópolis. Telefone: 92-3643-8146.

Para mais informações, ligue 136.

Procedimentos importantes

  • Use somente o frasco higienizado;
  • Tome cuidados de higiene antes da coleta;
  • Se possível, escolha um local tranquilo para retirar o leite;
  • Retire, guarde e armazene o leite conforme orientação dos profissionais;
  • Em caso de dúvida, entre em contato com o Banco de Leite Humano (BLH) mais próximo,

É importante saber que o leite coletado passa por análise, pasteurização e é submetido a um rigoroso controle de qualidade. Somente assim ele pode ser oferecido aos bebês internados nas unidades neonatais.

Gostou de conhecer os procedimentos para a doação de leite materno? Caso esteja apta, seja uma voluntária e ajude os bebês em vulnerabilidade. Conheça o Cantinho do Leite da Samel. Clique aqui e saiba mais!

doação de leite maternoleite materno

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

O leite materno é fundamental para a nutrição infantil nos primeiros seis meses de vida. Mas muitas mulheres não conseguem fornecer o alimento e dependem da solidari...

O leite materno é fundamental para a nutrição infantil nos primeiros seis meses de vida. Mas muitas mulheres não conseguem fornecer o alimento e dependem da solidari...

MAIS LIDAS

Resultados apontam redução no tempo médio de internação, no número de mortes e na realização ...

A nova cepa do coronavírus foi identificada no Reino Unido, mas já está presente em ...

Samel trouxe dicas de especialistas para te ensinar como recuperar olfato e paladar perdidos ...